Plugin Kanban para WordPress

Recentemente eu postei um texto aqui falando sobre o Kanban, um sistema japonês de administração da produção/gerenciamento de projetos que eu comecei a testar aqui tem algum tempo. Durante minhas pesquisas online sobre essa técnica eu acabei achando diversos apps que levavam o Kanban para os smartphones ou computadores. E um desses achados foi um plugin gratuito para WordPress que permite a instalação de um quadro de Kanban personalizável dentro de qualquer site que rode o WordPress na versão hospedada, trata-se do plugin “Kanban for WordPress“.

Kanban WordPress
Tela de exemplo mostrando o plugin

Existem duas versões dele, uma gratuita e uma paga – bem paga aliás, na data deste texto o custo era de U$ 149.00. A versão gratuita tem limitações mas permite que você crie um quadro com múltiplas colunas, adicione, mova e delete tarefas. Já a versão paga inclui uma série de outros adicionais, dentre eles a opção de criar mais de um quadro de Kanban e colocar indicações de prioridade em cada tarefa. Em ambas as versões é possível adicionar usuários ao quadro e atribuir tarefas para eles, bem como administrar o tempo gasto em cada uma das tarefas e o tempo estimado para realização delas. A versão paga permite anexar arquivos nas tarefas do Kanban, o que não acontece na versão gratuita. Para contornar este problema você pode usar links de serviços como o Google Drive, Dropbox ou Dropbox Paper, por exemplo. Assim você consegue “anexar” indiretamente algum arquivo nas tarefas do Kanban gratuito.

O acesso ao quadro acontece através de uma URL específica criada pelo plugin, e o login é obrigatório para a visualização e a edição do conteúdo. A definição das configurações é feita no painel de administração do WordPress, como acontece normalmente em muitos plugins.

Kanban
Tela que mostra a configuração das colunas que serão usadas no quadro de Kanban

Durante o tempo que eu venho utilizando o plugin Kanban for WordPress ele tem funcionado muito bem – inclusive através do smartphone ou do tablet. Como pode ser visto na imagem abaixo, o formato de colunas e tarefas do Kanban pode ser usado para gerenciar diversos tipos de informações e não somente um projeto. Você pode utilizá-lo para gerenciar e facilitar a visualização das suas tarefas pessoais ou de trabalho, bem como pode usá-lo para gerenciar a criação e a postagem do conteúdo do seu blog, por exemplo.

Na ordem correta de uso as tarefas são movidas entre as colunas de acordo com o avanço delas em relação ao projeto, porém é possível usar o quadro de Kanban de maneira personalizada, como por exemplo:

– usar cada coluna do quadro para um tema/projeto e listar as tarefas em ordem de prioridade dentro de cada tema/projeto. Assim você tem um quadro que facilita a visualização das tarefas relacionadas com diversos temas diferentes.

– nomear cada coluna com o nome de um dia e fazer do Kanban um método de gerenciamento para as tarefas diárias da sua semana (aqui cabe uma dica: se você for usá-lo assim faça uma coluna chamada “adiados”, ou algo assim, e mova para lá as tarefas que você não conseguiu completar naquela semana).

Essas sugestões de uso, apesar de não serem a linha certa do Kanban, funcionam muito bem para quem tem poucas tarefas para gerenciar e está usando o método para tentar organizar e dar mais produtividade ao dia a dia.

Quais são as vantagens da versão paga do plugin Kanban?

A versão paga pode ser obtida através do site KanbanWP.com. Além da vantagens que eu comentei anteriormente (múltiplos quadros e indicações de prioridade nas tarefas), a versão paga lhe permite ter comentários nas tarefas, notificações, detalhes e anexos em cada tarefa e um gerenciamento melhorado dos usuários. Na minha visão, a versão paga seria melhor para pequenas equipes de trabalho que desejam ter um ou mais quadros de KanBan instalados dentro de um site com WordPress. Para um usuário doméstico não valeria tanto assim, afinal de contas, se você precisar de alguma coisa com mais funcionalidades pode experimentar o Trello, por exemplo.

Deixe uma resposta